IP presente na IV Edição da Energy and Climate Summit 

Ambiente e Sustentabilidade
Eventos
Ferrovia
  • IV Edição da Energy and Climate Summit 
  • IV Edição da Energy and Climate Summit 
  • IV Edição da Energy and Climate Summit 
  • IV Edição da Energy and Climate Summit 
  • IV Edição da Energy and Climate Summit 

Mobilidade e Transporte Ferroviário será o tema desta Conferência, que decorrerá a 26 e 27 de janeiro, em Évora. 

Nos dias 26 e 27 de janeiro decorrerá, no Auditório da CCDRAlentejo, em Évora, a IV Edição da Energy and Climate Summit, cujo tema será a Mobilidade e Transporte Ferroviário, contando com a presença, como oradores, de Carlos Fernandes, Vice-Presidente do Conselho de Administração da IP, no painel “A Ferrovia na Coesão Territorial e no Desenvolvimento Económico”, e de José Santinho Faísca, Diretor de Engenharia da IP, no painel “A Intermodalidade: Como ir de Ponto A ao Ponto B”.

Este evento faz parte de um conjunto de cinco Conferências internacionais, denominadas Energy and Climate Summit, organizadas pelo Projeto GUARDIÕES e que procuram trazer a Portugal o conhecimento da ciência, os melhores exemplos e as melhores práticas dos que tomaram já a dianteira nesta transformação. Nestas Conferências estarão reunidos especialistas de vários países que apresentarão os contributos do ensino e da ciência na geração de soluções para a crise climática.

As alterações climáticas são a principal ameaça ao nosso Planeta, com graves consequências para o futuro da sociedade em geral, do ponto de vista social, económica e ambiental. 

O setor dos transportes é vital no funcionamento da sociedade e da economia, mas também contribui para o aumento das emissões de gases com efeito de estufa (GEE), desempenhando a IP um papel fundamental na descarbonização deste setor a nível nacional. Os efeitos das alterações climáticas atualmente já causam impactes na infraestrutura da IP, pelo que estamos a elaborar um Plano de Resiliência às Alterações Climáticas a implementar na nossa rede rodoferroviária. Nos projetos de maior envergadura, a IP também já elabora estudos de avaliação e adaptação às alterações climáticas, de modo a tornar as suas infraestruturas mais resilientes às mesmas.

 


Sobre o Projeto GUARDIÕES


O Projeto GUARDIÕES tem como objetivo gerar elevado impacto na sensibilização e informação da sociedade civil para o problema das alterações climáticas, gerando conteúdos, promovendo ações junto das pessoas, procurando apresentar soluções que possam fazer da região Alentejo um exemplo na descarbonização da economia e na transição para uma economia mais circular e sustentável.