EN326 – Trecho 1 – Feira (A32/IC2) / Escariz
PVAE
  • EN326
  • EN326 2
Localização
Concelhos de Santa Maria da Feira, Oliveira de Azeméis e Arouca, no distrito de Aveiro.
Extensão
A extensão é de 7,141 Km.

Âmbito da Intervenção

A presente empreitada, EN 326 – Feira (A32/IC2) / Mansores, Trecho 1 – Feira (A32/IC2) / Escariz (km 0+000 ao km 7+141), estabelecerá a ligação entre a A32/IC2, inserida na Concessão Douro Litoral, no atual Nó de Pigeiros, e o troço já construído da EN 326 entre Mansores e Arouca, permitindo uma ligação mais direta, rápida e segura entre Mansores e Arouca e o litoral, nomeadamente a S. Maria da Feira, a S. João da Madeira e ao Porto pela A32, numa extensão de aproximadamente 7.141 m.
Na seção corrente da EN 326, entre o km 0+000 e km 4+080, o perfil transversal tipo adotado, é constituído por uma faixa de rodagem com uma via por sentido, com uma plataforma de largura total de 12.00 m, e é composto por:

  • Duas vias de circulação com 3.50 m de largura cada;

  • Duas bermas direitas com 2.50 m de largura, pavimentadas em toda a sua extensão, com a mesma inclinação transversal da faixa de rodagem.

Entre o km 4+180 e o km 7+141, o perfil transversal tipo estipulado é composto por uma via adicional num dos sentidos,
perfazendo a plataforma, uma largura total de 13.75 m, e é composto por:

  • Duas vias de circulação com 3.50 m de largura cada e uma via de lentos com 3.25 m de largura;

  • Duas bermas direitas com 2.50 m e 1.00 m de largura, pavimentadas em toda a sua extensão, com a mesma inclinação transversal da faixa de rodagem.

A área de inserção do projeto caracteriza-se por ser uma zona de acentuado relevo, obrigando a que o traçado se desenvolva com parâmetros geométricos compatíveis com uma velocidade base de 80 km/h.
Em perfil longitudinal, o traçado apresenta inclinações máximas de 7%, tendo em função do estudo de tráfego, sido previstas três vias de lentos no sentido ascendente de modo a manter o nível de serviço pretendido.

Em termos de interligação com a rede viária existente, foram previstas duas ligações de nível, nomeadamente:

  • Ligação à rotunda do Nó com a A32 (Nó de Pigeiros), no início do traçado;

  • Rotunda de Escariz, que permite o acesso a Escariz.

Ao longo do seu desenvolvimento são atravessados diversos vales profundos e linhas de água, estando prevista a construção de 5 obras de arte especiais (4 Viadutos e uma Ponte).

De modo a repor a rede viária existente interferida com a construção da nova via, foi prevista a execução de 9 restabelecimentos, 2 associados à construção de Passagens Inferiores (PI), 2 a Passagens Agrícolas (PA), 3 a Passagens Superiores (PS) e os restantes sob a nova via em zona de Viaduto, não necessitando por isso de obra de arte específica.

Benefícios

Os benefícios alcançados com a concretização deste Projeto são os seguintes:

  • Diminuição do tempo de percurso;
  • Melhoria da fluidez do tráfego / redução do congestionamento;
  • Reforço da segurança rodoviária;
  • Melhoria das acessibilidades, nomeadamente às áreas industriais;
  • Reforço da coesão económica e social no território nacional.